As empresas correm grandes riscos quando vão descartar documentos e produtos não comercializáveis ou vencidos. Para evitar que ofereçam riscos a sua imagem institucional, eles devem passar um processo de descaracterização para que a utilização por terceiros seja impossibilitada.

Além disso, alguns componentes podem sofrer reações após passaram do prazo de validade. Por isso, a Inovar Ambiental realiza análises desses produtos para promover o melhor tratamento possível e descarte adequado. Assim, asseguramos que a companhia ou o meio não sofrerão qualquer prejuízo.

O mesmo se aplica aos lotes com erros que, por não atenderem a alguma norma técnica, ou aos padrões de qualidade da empresa, não estarem em conformidade com determinada lei, terem sido contaminados, possuírem erros em suas informações, apresentarem defeitos ou por diversos outros fatores, não podem ser vendidos.

Nesses casos, veja como funciona a nossa Gestão Global:

1

Identificação dos processos e geração de resíduos

2

Classificação dos resíduos

3

Análise de Elegibilidade

4

Processo de segregação

5

Logística de transporte

6

Coleta

7

Tratamento de destinação final: a Inovar realiza a fragmentação específica para cada tipo de produto e suas embalagens, sejam de plástico, metal, vidro ou papel, com ou sem conteúdo líquido. Assim, transforma os produtos não comercializáveis em minúsculos pedaços em que as marcas ou qualquer identificação com o nome do gerador é impossível de ser identificado. Após este processo, encaminhamos o resíduo resultante para o coprocessamento, que é a destruição térmica em fornos de cimento.

8

Certificado de destinação: emitimos esse documento que atesta que os seus produtos inservíveis e lotes com erro sofreram a devida destinação ambientalmente correta e, assim, não podem ser indevidamente utilizados. Trata-se de uma importante salvaguarda à imagem do gerador e perante aos órgãos ambientais e demais fiscalizadores.